3 de outubro de 2015

Entaum...


    Você passa por mim e não olha
    Como coisa, que eu fosse ninguém
    Com certeza você ja esqueceu
    Eu não ligo, porém, ao seu modo
    Isto é próprio de quem é infeliz...
    Quer mostrar que não sente saudade
    De um passado que foi tão feliz
    Se eu quisesse eu podia dizer
    Tudo, tudo...
    Mas pra que destruir seu orgulho
    Se eu até já esqueci sua voz
    De uma coisa eu tenho certeza
    Foi o tempo quem me confirmou
    Seus melhores momentos na vida
    Do meu lado você desfrutou.
    Você passa por mim e não olha...

Nenhum comentário: